A INDUSTRIA DOS ATESTADOS MÉDICOS


O povo foi as ruas e um dos pilares do movimento foi a busca por um serviço público de qualidade. Pois bem, esse é o período da 'TEMPORADA DE ATESTADOS MÉDICOS FALSOS'. Falso! Isso mesmo, vários são os servidores públicos que tem o desplante de ir a um Médico, pedir atestado, sem ter qualquer patologia. É preciso que os administradores criem uma Comissão para avaliar os atestados. A punição deve ser a prevista em lei. Basta que a comissão proceda a investigação de cada caso. Constatada a falsidade, que seja filmado ou fotografado e aberto o processo administrativo para a demissão do servidor portador do atestado que não corresponda o contido no documento. 

Concedido o direito de defesa e constatado que o povo está sendo lesado, não há outro caminho senão a demissão. Do mesmo modo deve a administração mandar peças para o Ministério Público para processar o usuário do atestado, na forma da lei, além da comunicação ao CREMERJ para adotar as providencias contra o Medico que atestou falsamente. Essa não e uma punição de império, mais uma resposta ao povo que paga por serviços que não são prestados ao povo. 

O administrador pode ser o meu pai, filho, irmão, não importa, tudo isso é passageiro. O que não e crível é o número elevado de atestados falsos, sem uma eficiente resposta do Poder Público. Nesse caso o lesado  o povo e, infelizmente a pratica do atestado falso e, na maioria de servidores que ostentam estabilidade no serviço público. 

Com a palavra os administradores de plantão. Que o atestado falso acabe na delegacia de polícia e na justiça! assim o povo vai saber onde e com quem está a verdade.
←  Anterior Proxima  → Página inicial

Um comentário:

  1. minha tia da atestado aos montes para não trabalhar

    ResponderExcluir