MORRE "ROSINHA" - PERSONAGEM FOLCLÓRICO DAS RUAS DE CAMPOS


Mais que um personagem querido por todos os Campistas. Durval Alves de Azevedo, de 65 anos, era uma alma boa. Não importava a palavra que era desferida contra ou a favor de "Rosinha", como ficou conhecido o vendedor de loterias, ele sempre respondia com um grande sorriso e seu tradicional Tchauzinho.

A cidade fica mais triste com a partida dessa figura folclórica. Que espalhava bondade e alegria por onde passava. Sempre cantarolando músicas de Roberto Carlos, com as bochechas rosadas pelo excesso de rouge o atual blush, daí veio o apelido e a superação de qualquer preconceito. Durval era unanimidade em um município tão marcado por rivalidades e disputas. 

"Rosinha" nos deixa o exemplo de que, como bem dito por Henry David Thoreau: "A bondade é o único investimento que nunca vai a falência".

Na falta de mais palavras, fica o registro do blog de nosso último "Tchau Né!".

E a homenagem com um vídeo de Roberto Carlos: 










←  Anterior Proxima  → Página inicial

3 comentários:

  1. Ótima sua trilha sonora! # chorei

    ResponderExcluir
  2. Adorava! Encontrava sempre com ela próximo ao colégio que estudava.

    ResponderExcluir